HISTÓRIA: Da Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos de São Beneditos

A História da Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Pretos de São Beneditos, um pouco desta e que merece ser compartilhada nos Livros Didáticos e Editoriais, remetidos aos órgãos públicos competentes e professores em especial, que na qual faz parte do foco de pesquisa de estudo, porém deve ocorrer no Estado do Paraná e a nível de Brasil, onde deveria ser contemplados todos os alunos com direitos garantidos em conhecer outro lado que também faz parte da História do Brasil, Negros e Afrodescendentes não foram apenas escravos?

https://encrypted-tbn0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSsVNuIOzLX_E0Qts_Aytc40OiOJ9VF-fR1r441BwCU3zKmKnQ-

 

Resultado de imagem para Imagem da igreja Nossa Senhora do Rosário, de Benedito em Curitiba/PR          Resultado de imagem para Imagem da igreja Nossa Senhora do Rosário, de Benedito em Curitiba/PR

https://encrypted-tbn1.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcRqRy3y6xN74GsVO4gVyjQkM8iHZO1W1W3AZx7zqyP2yhbBOwa0

IMAGEM DO ROSÁRIO DOS PRETOS

Um pouquinho da História de Curitiba/PR, capital do Estado do Paraná e deveria ser levada ao conhecimentos de todos os cidadãos, de como funciona de fato a verdadeira História do Afrodescendente e a do Negro, veja a seguir com um outro enfoque:

Hoje a Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos de São Benedito ela foi construída em 1946, em estilo Barroco, e no mesmo local da antiga igreja foi demolida em 1931, porque era considerada muito pequena e na época, cada igreja construída no Brasil  precisava ser referenciada e homenageada um determinado Santo.

A igreja do Rosário passou por várias reformas e detalhe foi construída por escravos e para os escravos, inaugurada em 1737, em estilo colonial. Sendo a terceira igreja representada a cidade de Curitiba, depois da Matriz e da Igreja da Ordem. Vem o nome original era Igreja de Nossa Senhora dos Pretos de São Benedito. Com a abolição da escravatura, a igreja perdeu sua razão original de ser, ela foi obrigada a mudar alguns costumes. Diante deste contexto histórico ela serviu também de matriz de 1875 a 1893, no período da construção da Catedral, na Praça Tirantes.

Também os negros quando chegaram em Curitiba/PR a parir do século XVII e no final do século XVIII já ultrapassaram várias centenas, enquanto a população total da cidade ara inferior a cinco mil pessoas. Também no início do século XIX, avaliar-se que a população de pretos e pardos em Curitiba era superior a 40%.

Já ao contrário dos imigrantes europeus que receberam em doação terras cultiváveis para que começassem uma vida nova no Brasil em cima de exploração daqueles que já tinham direitos e deveres, porém não respeitados e mesmos os escravos foram libertados em 1888, sem receberem qualquer assistência oficial para iniciarem suas novas vidas. Isso tornou-se um problema social na época, com reflexos nos dias atuais.

Diante desta realidade o que ocorre com a sociedade brasileira, que ainda não se atentou para mudar a realidade dos livros didáticos, que muitas das vezes são histórias equivocadas, sem ser contada a história verdadeira e na íntegra, sem a omissão dos fatos.

Att. Roseli

Muito obrigada!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s