Mulher abolicionista substituirá presidente em notas de US$ 20

Harriet Tubman lutou contra escravidão e pelo voto feminino.
Esta será a 1ª vez que uma mulher negra aparece na moeda americana.

Do G1, em São Paulo

Simulação de uma cédula de US$ 20 com Harriet Tubman (Foto: Divulgação/Women on 20s)Simulação de uma cédula de US$ 20 com Harriet Tubman (Foto: Divulgação/Women on 20s)

             Segundo o noticiário do G1, em São Paulo apresenta a 1ª mulher negra abolicionista, a lutar contra a escravidão e a substituição do presidente Andrew Jackson em notas de 20 dólares pela Harriet Tubman nos Estados Unidos. Pois é um momento histórico na América, de acordo o Departamento do Tesouro dos Estados Unidos.

            Houveram toda uma discussão de colocar uma figura de feminina e que estivesse uma história de relevância, desta forma surge a pressão do primeiro secretário do Tesouro, Alexander Hamilton em mudar está história.

            Pois já era horas de fazer homenagem para uma pessoa que tanto lutou pelo seu país em termos de Direitos Civis, e de melhorias de condições de vida para os mais necessitados, “os negros” escravizados na época de Escravidão, diante desta contexto existe tantos nomes e renomes tanto nacional como internacional, em que poderia ser homenageados, uma vez que corroboraram para a mudança da História de uma nação.

            Então recentemente em maio de 2015, a Tubman foi a favorita de uma campanha chamada “Women o 20s”, que na qual reuniram mais de 600 mil votos de americanos e que solicitaram a imagem de uma figura feminina. Haja visto que a solicitação foi aceita em nota de US$ 20 dólar com imagem de Harriet Tubman, e que recebeu de 118.328 mil votos. E que por sinal uma homenagem merecidamente. Hoje um país com tantas diversidades, deve abrir espaços diante de seu brilhantismo, de história de vida, para todos em que fizeram e fazem a diferença.

            A Turbman nasceu durante o período de escravidão no ano de 1822, e foi liberta em 1849, foi uma batalhadora, guerreira, um ícone para a sociedade americana, lutou pelos Direitos da mulher, para que ela estivesse o Direito ao vota, de obter Direitos de Cidadania, de ser Humano, Direito de Dignidade Humana, e que estes Direitos deveriam ocorrer naturalmente, ao bem comum. ( G 1 em São Paulo).

Att. Roseli

Muito obrigada!

 

Um comentário sobre “Mulher abolicionista substituirá presidente em notas de US$ 20

  1. Parabéns ao autor em que desenvolveu este assunto, muito bom, maravilhoso em pude reescrever a redação e postar, com a intenção de que outras pessoas possam conhecer, visualizar, fazer seu comentários, curtir, etc.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s